Uma brincadeira sem graça…

Luíz Inácio gostava de Dirceu, que gostava de Antônio, que gostava de Dilma, que gostava de Guido, que gostava de Renan, que gostava de Michel, que gostava de Eliseu, que gostava de Moreira, que gostava de Romero, que gostava de Eunício, que gostava de Aécio, que gostava de José, que gostava de Geraldo, que gostava de Fernando, que gostava de Rodrigo, que gostava de Eduardo, e todos eles diziam que gostavam da gente.

Nos últimos anos, muitas pessoas deixaram de gostar de colegas, de grandes amigos, e até de parentes próximos, simplesmente porque acreditavam que só alguns daqueles nomes gostavam da gente de verdade. Os ex-amigos também pensavam assim, só que achavam que eram outros os que realmente gostavam da gente. E, claro, muita gente achava que, naquele grupo, eles gostavam apenas uns dos outros. E estes também perderam muitas amizades.

Hoje descobrimos que estávamos todos enganados. Os membros daquele grupo só gostavam, na verdade, era do Marcelo. Porque o Marcelo gastava com Luíz Inácio, gastava com Dirceu, gastava com Antônio, gastava com Dilma, gastava com Guido, gastava com Renan, gastava com Michel, gastava com Eliseu, gastava com Moreira, gastava com Romero, gastava com Eunício, gastava com Aécio, gastava com José, gastava com Geraldo, gastava com Fernando, gastava com Rodrigo, gastava com Eduardo, e gastava com muitos outros mais. Marcelo só não gastava com a gente. Afinal, era a gente que gastava com o Marcelo.

E não é que agora, depois de terem semeado discórdias e brigas entre nós, todos eles também brigaram com o Marcelo? Só porque o Marcelo resolveu contar pra todo mundo como funcionava a brincadeirinha deles, e contar também que todos eles participavam. Por isso, agora, eles não gostam de mais ninguém. Muito menos da gente. Quem gostava da gente de verdade eram aqueles parentes e aqueles amigos que a gente deixou de gostar lá atrás. Brincadeira boba, não é?

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>